+55 (71) 3014-6466 [email protected]

Quando uma válvula de alívio não é bem projetada, ao ser demandada pode causar alta vibração e culminar com danos em tubulação, até mesmo ruptura, caso ela não esteja ancorada adequadamente.

A aprendizagem fornecida pelo acidente mencionado no alerta da EPSC do mês de maio mostra como uma abertura de uma válvula de alívio de pressão, que é uma camada de proteção eficaz na prevenção de ruptura de equipamentos e acessórios devido a alta pressão, pode ter um efeito contrário. A abertura causou severa vibração, levando a ruptura da tubulação de GLP e consequente incêndio em nuvem dos vapores inflamáveis. Tudo indica que falha no projeto foi o evento iniciador do acidente (falha sistemática). Continue lendo…